AEROTERRA Aviação Agrícola
PROTOCOLOS
Correios

7º Protocolo Envio - 11/03/2022

Sedex Nº QB649329601BR

Envio de Certificados do PPSP. 

Após treinamento realizado em plataforma por pilotos. 

Obrigado

Captura de Tela 2021-02-16 às 09.35.00.

6º Protocolo Envio - 11/03/2022

Protocolo Nº 00058.045575/2021-29

Ilmo
Sr. Responsável GTVC/GOAG

Prezados, Bom Dia...

Resposta ao Ofício no246

No interesse do feedback ao ofício recebido no dia 09 de março de 2022, por meio do sistema eletrônico SEI. Deixamos o seguinte parecer, quando aos procedimentos adotados pela empresa no que tange a melhoria da segurança operacional da empresa, após a ocorrência da aeronave PR-BSR.

Imediatamente após a ocorrência a equipe da Aeroterra Aviação Agrícola, se posicionou fortemente no controle da segurança operacional mediante a comunicação direta e sistêmica de todos os pilotos no grupo através da criação de um grupo de reportes dentro da plataforma do WhatApp, de modo que todos os pilotos podem apresentar as ameaças observadas para que ações como mitigações de riscos possam ser realizadas.

Não apenas isso, mas, meses após o evento a Aeroterra Aviação Agrícola, buscou os treinamentos oferecidos a todos os pilotos pela empresa Piloto Aero, de propriedade do piloto e especialista em segurança de voo o Sr. João Antonio Ceccarello Franco, que há mais de 10 anos trabalha no setor de aviação agrícola com criação de procedimentos operacionais padronizados.

Após o encontro de segurança que foram divididos em 3 dias, de forma eletrônica, devido a condição atual de COVID19 que não permitiu encontros pessoais, a empresa contratou a Piloto Aero, para padronizar seus procedimentos e atuar na melhoria da segurança operacional da Aeroterra Aviação Agrícola.

A plataforma da Piloto Aero foi inserida na Aeroterra, para uso sistêmico por todos os pilotos e diversos resultados positivos vieram a ocorrer como:

✅ Envolvimento direto dos pilotos no APP da Piloto Aero;
✅ Relatos (RAC) em ferramentas operacionais, como podem visualizar no [Anexo A];
✅ Ação de Gerenciamento de riscos após os relatos como podem visualizar no [Anexo B];
✅ Elaboração de um Programa de Treinamento Operacional (PTO), apresentado para a ANAC no ano seguinte [Anexo C];
✅ 2 Atualizações no Manual de Segurança Operacional e Programa de Resposta à Emergência, apresentado para a

ANAC em 2021 e 2022 [Anexo D], em especial as atualizações dos programas elas ocorrem anualmente junto com a Plataforma da Piloto Aero, no intuito de garantia a melhoria nos processos;
✅ Encontro de segurança on-line [Anexo E];

Informamos que estas medidas e ações surtiram diversos efeitos positivos em nossa empresa, assim como estamos abertos para melhorias e correções adicionais apresentadas por esta agência ANAC.

Estamos a disposição para maiores esclarecimentos.

Luiz Eduardo de Magalhães, 09 de março de 2022.

Captura de Tela 2021-02-16 às 09.35.00.

5º Protocolo Envio - 15/01/2022

Protocolo Nº 00066.000561/2022-68

Solicitação de Atualização de MGSO, PRE e PTO

Ilmo

GTPO-DF

 

 

            Prezados, dando continuidade no processo de atualização dos documentos de nossa empresa.

Disponibilizamos em anexo os seguintes documentos:

  • Cópia do MGSO atualizado – Revisão 04 – (Mudança em todo manual, adequação a Plataforma eletrônica de SGSO);

  • Cópia do PTO atualizado – Revisão 02 – (Mudança em todo manual, adequação a Plataforma eletrônica de SGSO);

  • Cópia do PRE atualizado – Revisão 02 – (Mudança em todo manual, adequação a Plataforma eletrônica de SGSO);

  • FOP 107-119 preenchida;

  • Autorização como Procurador;

  • Ofício de Solicitação de Serviço

 Com o intuito de uma análise por parte dos especialistas da ANAC, para o interesse da empresa, na oportunidade de revisão do MGSO, PRE e PTO na manutenção da melhoria contínua da segurança operacional, através da ferramenta Piloto Aero.

            No anexo em conjunto com este ofício segue os documentos para apreciação.

Aguardamos um parecer.

 

            Diante do exposto agradecemos a atenção.

                                                                          Indaiatuba/SP, 15 de Janeiro de 2022.

Captura de Tela 2021-02-16 às 09.35.00.

4º Protocolo Envio - 14/01/2022

Protocolo Nº 00058.027147/2021-14

Continuidade na Apresentação de Documentação.

Ilmo

NURAC-POA

 

 

            Resposta à auditoria e envio de documentos adicionais solicitado. 

  Diante do exposto agradecemos a atenção.

 

                                                                        Indaiatuba/SP, 14 de Janeiro de 2022.

Captura de Tela 2021-02-16 às 09.35.00.

3º Protocolo Envio - 06/11/2021

Protocolo Nº 00058.027147/2021-14

Continuidade na Apresentação de Documentação.

Ilmo

NURAC-POA

 

 

            Prezados, dando continuidade no processo de fiscalização de nossa empresa e disponibilização de documentos solicitados, no processo de Nº 00058.027147/2021-14, ofício Nº161.

            Estamos encaminhando neste processo os documentos solicitados. Os diários de bordo de todas as aeronaves no período de 2019 à 2021.

            A empresa encaminhou um parecer da denuncia respondido pela Srta Adv. Dra. Valéria.

            Agradeço a extensão do prazo de 30 dias concedidos para a coleta e fotos das páginas de todos os diários o que gerou um levantamento superior de mais de 1000 fotos.

 

            Diante do exposto agradecemos a atenção.

 

                                                                        Indaiatuba/SP, 06 de Novembro de 2021.

Captura de Tela 2021-02-16 às 09.35.00.

2º Protocolo Envio - 11/09/2021

Protocolo Nº 00058.027147/2021-14

Extensão de prazo de cumprimento de Ofício

Ilmo

NURAC-POA

 

 

            Prezados, dando continuidade no processo de fiscalização de nossa empresa e disponibilização de documentos solicitados, no processo de Nº 00058.027147/2021-14, ofício Nº161.

            Solicitamos que seja concedido um prazo maior que o estipulado para envio das documentações solicitadas neste ofício.

            O motivo desta extensão seria que nossa empresa está realizando os voos de Combate à Incêndio, o que no momento é de bastante intensidade e a disponibilização dos Diários por nossos pilotos é de movimento lento, uma vez que a maioria dos locais a internet funciona com dificuldade.

            Com o intuito de uma análise por parte dos especialistas da ANAC, para o interesse da empresa, na oportunidade de cumprimento dos requisitos solicitados no Ofício Nº161, pedimos deferimento.   

Aguardamos um parecer.

 

            Diante do exposto agradecemos a atenção.

 

                                                                        Indaiatuba/SP, 01 de Outubro de 2021.

Captura de Tela 2021-02-16 às 09.35.00.

1º Protocolo Envio - 11/09/2021

Protocolo Nº 00065.036995/2021-25

Questionamento sobre medida implantada no NOTAM em SNKF

Ilmo

Sr. Responsável

SPO-Anac

 

            Prezados, Bom Dia...

            No interesse em realizar o combate à incêndio nas redondezas do município de Conselheiro Lafaiete, Minas Gerais por solicitação do Corpo de Bombeiros Estadual, estamos enviando este ofício para tomar nota dos critérios definidos no NOTAM XX em anexo.

            Esta manifestação inicialmente foi feita pela Aeroterra Aviação Agrícola LTDA mas se estende a todas as aviações agrícolas a qual mantemos um controle de segurança operacional ativo em nossa plataforma de SGSO, acessada em: www.pilotoaero.com 

            Tal questionamento foi protocolado no intuito de maximizar a efetividade da operação de combate à incêndio por diversas empresas agrícolas homologadas na região, poder atender aos chamados que estão sendo negados por proibição de pouso naquele aeródromo que é de extrema e fundamental importância estratégica para as operações de Combate à Incêndio.

            O RBAC 137.301 prevê a operação agrícola em aeródromos não homologados (ZZZZ) salvo condições de apresentação de Gerenciamento de Risco daquela área e que os riscos tenham sidos mitigados e controlado, neste caso, nosso questionamento seria:

“Poderíamos considerar à confecção e efetividade de um gerenciamento de risco para a operação naquele aeródromo e realizar a operação sob nossa responsabilidade?”